Artigo escrito emdezembro 2017

Feliz 2018 a todos

Share

Meus queridos leitores o blog esta de férias de final de ano.

Voltamos em 2018 com muito mais dicas e novidades da cidade luz pra voces.

Feliz Ano Novo cheio de realizações, saúde e felicidade!

O novo brunch parisiense no paraiso do high-tech e do digital

Share

A nova mania de alguns parisienses, tomar  café da manhã aos domingos no trois bis o restaurante  da Gaité Lyrique um prédio histórico  em Paris.

Pães , brioches deliciosos, ovos, bacon e  sucos, um brunch completo, onde voce pode se servir no bufet várias vezes,  em um ambiente todo decorado de uma forma descontraida com mesas e bancos compridos em grandes espaços, as crianças adoram o lugar.

Um brunch com assinatura do chef patissier Bruno Viala, que trabalhou no Palais du Elysée, e Chez Alain Dutournier 2 estrelas no Michelin.

O Gaité Lyrique é um centro de criação digital, consagrado a todas as formas de arte, atividades culturais ou lúdicas a base de tecnologia digital: foto, video, instalações interrativas, artes plásticas, design, jogos, musica e um programa super dinâmico de espetáculos, biblioteca e centro de produção.

Um verdadeiro paraiso high-tech.

O prédio foi construído em 1872, onde funcionava  o Teatro da Comédia e Coreografia, ficou abandonado de 1990 até 2011, quando foi restaurado pela agência de  arquitetura Manuelle Gautrand, transformando o endereço em um lugar espetacular, funcional e com uma grande complexidade técnica.

Brunch delicioso aos domingos em Paris

Le Trois Bis Gaité Lyrique

3, bis Rue Papin – 75003 – Paris

 

 

 

Paris e o maior museu virtual do mundo

Share

UMA Universal Museum of Art, tem por objetivo  ser o maior museu do mundo em menos de dois anos, para todos, todo tempo e em  todos os lugares, gratuitamente.

Com um computador, um smartphone ou uma tablete uma visita ao museu nunca foi tão simples.

Um grande e audacioso  projeto de quatro franceses, de se colocar  integralmente a serviço da arte, com um arquivo de imagens impressionante de  lugares históricos desaparecidos, inacessíveis  assim como as obras dos grandes pintores e artistas de todas as épocas e até imagens de arquivos de grandes costureiros.

E para facilitar a visita dispositivos explicativos estão ao lado  de cada obra apresentada,contando a historia e o periodo.

Uma lojinha com uma seleção de produtos culturais e uma livraria completa com grandes edições de arte, estão a disposição do visitante.

A arte e  a cultura no quotidiano de cada um, de uma forma simples e atrativa.

Boa visita!

the-uma.org

 

Monnaie de Paris e uma exposição feminista

Share

 

Women House  um encontro de duas noções – um genero – O feminino e um espaço – O doméstico!

Uma exposição feminista e  forte está acontecendo na Monnaie de Paris (casa da moeda), onde a mulher e o espaço doméstico são o centro das atenções. Trabalhos de 40 artistas, dos anos 30 até hoje, estão expostos com uma mensagem de verdadeiras ”desperate housewives”.

Uma mise-en-scene impressionante, posicionando a mulher como centro de uma história, onde o símbolo da prisão doméstica se transforma em construção de identidade, o íntimo se transforma em politico, o espaço privado se transforma em espaço público e o corpo se transforma em arquitetura.

Duas grandes obras que fazem parte da exposição: a “Nana Maison” da artista feminista Nikki de SaintPhalle, e a aranha gigante, da artista Louise Bourgeois.

Bacanérrima!

Até 28/01/2018

Womens House
Monnaie de Paris
11 Quai de Conti, 75006 Paris