CategoriasLifestyle

Hotel Ritz Paris

Share

A reinauguracao do Hotel Ritz em Paris que estava prevista para dezembro de 2015 foi adiada para março de 2016.

Os clientes poderao começar suas reservas a partir de 14/03/2016. Algumas  novidades foram anunciadas pela direçao do Hotel para esta nova fase, a equipe ja esta contratada, o Chef patissier Nicolas Perret assina as  sobremesas, e o chef Nicolas Sale   o menu. O  spa Chanel   é a grande novidade.

Com a restauraçao e decoraçao grandiosa, os futuros hospedes do Hotel poderao usufruir com muita elegancia da arte de viver a la française.

 

 

Restaurante Gucci

Share

Depois da Burberry, Ralph Lauren e Armani e a vez da maison italiana Gucci de nos convidar a sua visao da gastronomia, inaugurando seu primeiro restaurante em Shanghai chamado 1921( em referencia ao ano da criaçao da maison) Cafe Gucci.

Fica no quarto andar do centro comercial IAPM de Shanghai e o acesso e feito pela boutique, o design interior é elegante e  contemporaneo com materias nobres, o logo Gucci  esta presente nas toalhas  de mesa e nos menus. A cozinha, o melhor da gastronomia italiana.

Bom apetite!

 

 

A polêmica expo Anish Kapoor em Versailles

Share

O Château de Versailles apresenta a exposição do grande artista Anish Kapoor. Uma exposição que já deu muito o que falar, pois, para instalar uma de suas obras, o artista desfigurou um dos jardins sagrados do Château, uma instalação em forma de cone enorme que, no início, se intitulava “Dirty Corner” e, logo em seguida, devido a toda a polêmica, ele batizou de “Vagin de la Reine” (A vagina da rainha).

Outras instalações que fazem parte da exposição estão espalhadas no jardim, como os dois espelhos curvos, intitulados C-curve e Sky Mirror, uma parede com manchas de sangue, um canhão na sala do Jeu de Paume, berço simbólico da democracia, e um Vortex, onde as águas viajam ao centro do mundo.

A exposição já foi criticada como escandalosa, blasfêmia, iconoclástica, etc., mas as críticas não abalaram Anish que quis deliberadamente provocar o caos nos jardins do Castelo. Sua intenção é que a confusão reine, como ele próprio disse.

Com pretensão de chegar à grandeza do lugar e ir desfigurando-o, a exposição vai, ao mesmo tempo, interrogando sobre a importância que ocupa Versailles no consciente coletivo no século XXI, assim como revelar um pouco do submundo que se esconde na fachada impecável e grandiosa do Château.

Anish Kapoor

Château de Versailles

Até 01 de novembro de 2015

Paris Mode, fotos dos anos 50/60

Share

E da editora Parigramme  o livro “Paris Mode”, com 100 fotos que marcaram época na moda e na capital francesa. Fotógrafos consagrados fazem parte do time, como Richard Avedon, Willian Klein, Melvin Sokolsy, Frank Horvat e Mark Show, entre outros. São fotos de um tempo em que o criador fazia o nome da maison – ao contrário dos dias atuais, quando é a maison que faz o nome do estilista. Uma viagem elegante e fascinante no universo fashion.

Bacanérrimo! Confira nas fotos abaixo:

1 – Modelo vestindo manteau Christian Dior (Harper¹s Bazaar, 1963 – Melvin Sokolsky)

2 – Dorothy em um café (Vogue, 1962 – Willian Klein)

3 – Dorothy na beira do Sena, de Chanel (Vogue, 1960 – Willian Klein)

4 – Mary em frente ao Ópera (1957 – Willian Klein)

5 – Dovina vestindo capa Lanvin, na Place François I (1955 – Richard Avedon).

Desenhos de Tula

Share

O lindo trabalho da  brasileira Tula Moraes em Paris, a artista foi convidada pelo Musée Carnavalet para participar de uma coletanea  no museu em novembro proximo.

Conto mais detalhes da expo em breve.

Lindos cabelos!

Share

Cabelos de estrela de cinema: fica na suíte número 101 do Hôtel Park Hayatt-Vendôme o salão de beleza de John Nollet, um dos mais bem frenquentados de Paris. A decoração é toda em clima de viagens, com baús feitos exclusivamente para ele pela Maison Louis Vuitton. Super talentoso e inovador em seu trabalho, ele cuida do visual de atrizes como Catherine Denèuve e Monica Bellucci e da cantora Vanessa Paradis. Nollet  tem várias clientes brasileiras – ele adora o Rio e, sempre que pode, visita os amigos na Cidade Maravilhosa.

Hotel Park Hayatt-Vendome

5 Rue de la Paix, 75002 Paris

 

 

 

Livro fashion

Share

O livro da  jornalista francesa Jamie Samet, famosa pelo bom gosto em tudo que escreve – é ela quem cobre, há anos, as semanas da Alta Costura para o Le Figaro –  é  sobre o trabalho e a obra do estilista Elie Saab. Com fotos originais do fotógrafo Laziz Hamani, ela mostra a evolução da marca daquele que é considerado um dos maiores na arte de criar vestidos de festa. Ler o livro é como se você estivesse desfilando no tapete vermelho!

Passage e Galeria parisiense

Share

Uma das coisas que chamam a atenção dos turistas em Paris são as passagens cobertas e galerias, que fazem parte da riqueza do patrimônio da cidade. Uma das mais lindas é a Galerie Vivienne.

Na metade do século XIX a moda do oriente trazida por Napoléon Bonaparte de sua viagem ao Egito, conduz promotores imobiliários a imaginar como o modelo de souks árabes, as primeiras passagens galerias comerciais cobertas. Rapidamente estas “ruas” ao abrigo de chuvas, com aquecimento e iluminação a gaz conheceram um franco sucesso. Hoje existem mais de 150 em toda Paris.

Construída em 1823 pelo arquiteto F.J. Dellannoy, a galeria Vivienne que no início era Galerie Marchoux, conservou muito bem toda sua decoração. Mais chique que a “Passage Choiseul“, menos frequentada que a “Passage des Panoramas” e menos exótica que a “Passage Brady“, a galeria Vivienne mostra bem o ambiente e clima das mulheres que a frequentavam  nesta época, sofisticado e burguês.

Quando estamos dentro da galeria temos a impressão de estarmos na Belle Époque, por sua luxuosa decoração no estilo neo-clássico, seu piso de mosaicos floridos e seus desenhos em alto relevo no teto e, também, por seu comércio, alguns estão ali desde o início, como a Librairie Jousseaume fundada em 1826 que tinha como clientes Colette e Aragon, a prestigiosa Cave Legrand, que ocupa o mesmo endereço desde 1880 e a “épicerie fine” Legrand que existe desde a construção da galeria. Alguns endereços de compras como a marca Alexis Mabille, que é um novo designer francês que está despontando, o Secrets d’Intérieur para fragrâncias de casa, velas e outros objetos de decoração e, para crianças, a loja de brinquedos retrô Si tu veux.

Um dos salões de chá mais conhecidos de Paris é o A Priori Thé, perfeito para uma saladinha, quiche ou chá da tarde. Para sentir o verdadeiro ambiente de bistrô parisiense ou tomar uma taça de vinho, vá ao restaurant Vivienne.

Um dos ótimos endereços da cidade luz.

Galerie Vivienne
6 Rue Vivienne e 4, Rue de Petits Champs – 75002 Paris.